logo-ge

Com quantos anos uma pessoa pode começar a pensar na escolha profissional?

Orientador profissional esclarece

Não há momento definido em que se inicia o processo de construção do projeto profissional. Desde muito cedo as crianças são atravessadas por impressões, informações, identificações com adultos profissionais, contatos com atividades humanas presentes nas profissões. O próprio processo regular de escolarização também participa intensamente dessa construção (podendo otimizar sua ação com ações dirigidas, projetos específicos na área de orientação vocacional).

– Conheça o super teste vocacional do GUIA, o Máquina de Profissões

– As 10 profissões mais desejadas pelas crianças

Obviamente, quanto menor a idade é natural que as “escolhas” estejam baseadas em informações muito superficiais, em imagens parciais e bastante apoiadas em elementos ricos em fantasia. Isso não significa que tais fantasias devam ser negadas, mas elas representam informações acerca de como a criança / jovem compreende, dentro de seus limites, a realidade do mundo do trabalho e o universo das profissões.

Sua ajuda pode se basear na apresentação de material informativo (como o Guia do Estudante) e na explora

ção dos interesses gerais e dos valores que seu filho apresenta. Naturalmente esta não é uma tarefa muito fácil para uma mãe, já que exige uma objetividade que o vínculo mãe-filho impede em parte.

A realização de processos de orientação vocacional (e não a simples aplicação de um teste) pode ser mais produtiva próximo ao término do ensino médio, no segundo ou terceiro ano (a não ser que haja a intenção de ingresso em curso técnico quando seu filho terminar o ensino fundamental).

De forma geral, acompanhe e converse bastante com seu filho sobre o tema. A própria atenção manifestada pelo envio de sua pergunta já é um ponto extremamente positivo.

Leia mais:
– As perguntas que você deve (e as que não deve) fazer a si mesmo para decidir sua profissão
– Como escolher o curso que melhor se encaixa em seu perfil?
 – As profissões que mais precisam de gente no Brasil

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s